Sucesso
Eduardo Baqueiro
 
 
 
Trazes na face marcas de uma rara beleza
Nos ombros uma responsabilidade ignorada
Das facilidades que tua beleza conquistará,
Muitas virão com o gosto ácido da decepção!
 
Você, que nasceu em berço de ouro,
Despreparada para enfrentar o mundo...
Do sucesso que te acompanhará por breve tempo,
Ficarão as mágoas e decepções...
 
Dos amigos e da amizade jamais terás idéia,
Tereis a falsidade como companheira,
Poucos serão os sorrisos verdadeiros...
Mas não te darás conta destes fatos,
Até que a solidão venha bater à porta...
 
Sentirás falta daquilo que nunca tiveste,
O calor desinteressado do amparo sincero!
Menina linda, mimada e tola!
Teu caminho é longo e tortuoso
Desconheces a vida fora de teu mundo
 
Mas o tempo tomará conta de te mostrar a insensatez...
Saberás que o rosto perfeito não é garantia de felicidade!
Compreenderas que a vida é cruel
Que os caminhos escondem espinhos
E muitos irão te ferir...