PAIXÃO
Eduardo Baqueiro
 
 
 
Deixa-me tocá-la sem pudor
Não diga nada que possa quebrar
a magia deste momento...
Deixa-me escorrer minhas mão sobre teu corpo
Como um artista querendo reter cada sensação
Desejando decorar suas curvas para desenhar
sobre uma folha
Para que este momento se perpetue
Mas quero ir mais além
Olhando dentro de teus olhos
Sentindo sua emoção ao contato de meu corpo
Ah menina!  chega mais...
Aperte este homem que te quer muito
Venha bailar neste ritmo gostoso
Deixa nossos corpos se perderem dentro do outro
Me ame como nunca amou
Deixa o clima do momento dominar teu ser
Não diga nada, mas se quiseres podes gemer
Sentirei mais prazer ao saber que me desejas
Quero sentir a linguagem do teu corpo
Quero que este momento seja eterno
Que fique sempre retido dentro de nós
Venha brincar com teu lobo mau
Satisfaça tuas vontades
Deixe-me louco, do jeito que só você sabe fazer
Quero sair daqui sentindo teu gosto
Levar a lembrança de teu cheiro
Reter teu olhar de mulher apaixonada
Com a certeza de que somos felizes