Ele
Eduardo Baqueiro
 
 
 
Ele falou de amor,
 
Viveu o amor
 
e nos mostrou o caminho para o amor...
 
Fazem dois mil anos
 
E ainda não aprendemos,
 
Ainda não assimilamos Seus ensinamentos.
 
Fala-se de Dele como se Seu reino
 
estivesse entre nós...
 
Hipócritas levantam a voz em Seu nome
 
Faz-se revolução em Seu nome
 
Mata-se e escraviza-se em Seu nome
 
Mas não se ama em Seu nome!
 
Ele veio, disse o que tinha que dizer
 
Vivenciou o amor desde o amanhecer
 
ate a aurora do dia
 
E não aprendemos...
 
Ele ainda não cabe em nossos
 
padrões de vida
 
Ele ainda está fora de moda...
 
Estamos esperando que Suas idéias absurdas
 
se tornem aceitáveis
 
Estamos nos preparando, talvez,
 
para um dia aceitá-Lo!
 
Estamos atrasando nossa felicidade
 
Estamos caminhando para trás
 
Estamos esperando o milagre
 
que já aconteceu
 
Estamos esperando que o outro faça
 
aquilo que devemos realizar
 
Sabemos dos nossos direitos
 
Mas esquecemos nossas obrigações
 
Esquecemos que nossos filhos
 
herdarão esta terra...