Nós que não desatam
Eduardo Baqueiro
 
 
Gostaria ao menos uma vez,
sentar em qualquer lugar com você.
Gostaria de que o mundo parasse para
que tivéssemos todo tempo só para nós
Gostaria de falar de nossas coisas,
mas sem nenhuma crítica,
sem nenhum rancor
Gostaria de saber como andas,
como tem sido sua vida,
se tem sido feliz ou se tem chorado
Gostaria de conversar com você
como se conversa com um velho amigo
Deixando de lado tudo que não
prestou para nós.
Gostaria de ouvir sua risada gostosa,
debochando do passado
e dos erros que ambos cometemos.
Gostaria de poder estar ao seu lado despido de qualquer sentimento inútil
Gostaria de não deixar para depois
Gostaria de que ele se realizasse brevemente
È uma necessidade de minha alma desfazer
os nós que ficaram no passado
Mesmo que eu quisesse,
eles não poderiam deixar de existir,
fazem parte da minha história
Talvez, também façam parte de sua história
e estes nós não desatam sozinhos
Talvez com pouco de amizade e boas risadas
possamos enterrar nossos erros
Não sei se significa alguma coisa pra você.
mas minha consciência me cobra
Gostaria de me olhar no espelho
e sorrir para mim mesmo
Sorrir satisfeito de ter desfeito mais um nó,
dentre muitos que tenho na vida.
Que bom seria...